TSE volta a julgar chapa de Bolsonaro e Mourão

As investigações tratam de ataques cibernéticos a um grupo de Facebook que teria beneficiado o atual presidente

Brazilian President Jair Bolsonaro (L) and his Vice-President Hamilton Mourao attend a ceremony marking the first 100 days of their government at Planalto Palace in Brasilia, on April 11, 2019. (Photo by EVARISTO SA / AFP)

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) retomou o julgamento de duas Ações de Investigação Judicial Eleitoral (Aijes), que pedem a cassação da chapa que elegeu Jair Bolsonaro e Hamilton Mourão, em 2018. As investigações tratam de ataques cibernéticos a um grupo de Facebook que teria beneficiado o atual presidente. O relator do caso no tribunal, ministro Og Fernandes, votou contra os pedidos em novembro, mas o ministro Edson Fachin pediu vista do processo, ponto a partir do qual o julgamento será retomado.

Existem ainda mais seis Aijes, das quais, quatro apuram irregularidades na contratação do serviço de disparos em massa pelo WhatsApp. A quinta trata da colocação de outdoors em pelo menos 33 cidades, com imagens e mensagens semelhantes, o que configuraria abuso de poder econômico. A sexta apura uso indevido de meio de comunicação já foi julgada improcedente, mas está em fase de embargos de declaração.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*