Técnico desiste de processo milionário e volta ao clube. Saiba quem

Profissional do futebol tinha mais de R$ 1 milhão para receber, desistiu do processo e volta a treinar o time

Um processo de R$ 28 milhões e uma bolada de R$ 1,8 milhão para receber após demissão em 2017. Você abriria mão disso? Foi exatamente o que o técnico Milton Cruz fez ao chutar essa quantia pra escanteio.

O auxiliar técnico desistiu do valor ao aceitar a proposta de voltar ao São Paulo e trabalhar no auxílio a Hernán Crespo no clube. A motivação alegada pela defesa de Milton para a desistência foi uma reflexão da história de mais de 20 anos que ele construiu dentro do time.

O auxiliar tinha sido demitido em 2016 pelo presidente Carlos Augusto de Barros e Silva. Na época, Milton teve direito a R$1,5 milhão de indenização que com a correção, alcançou R$1,8 milhão, mas o Tricolor ainda não tinha pago e, com sua readmissão, abriu mão da quantia.

Detalhe: O salário que Milton vai receber agora será menor do que o que recebia quando foi demitido.  Gol do São Paulo?! Qual sua opinião sobre o assunto? Abriria mão dessa grana? Comente aqui.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*