‘Sonic’ acerta no conserto do visual e consegue superar os desafios

Sonic - O filme

“Sonic – O filme” estreou no Brasil na quinta-feira (13), mas antes disse teve que enfrentar muitos desafios. O primeiro foi refazer a primeira versão que redeu muitas críticas negativas a respeito do visual. Além disso, o filme precisava agradar os fãs, que vieram dos games, e ao mesmo tempo conquistar um público inédito. A adaptação foi bem sucedida nos dois quesitos já que o diretor ouviu os críticos e teve tempo de mudar toda a situação. O personagem honrou a essência do ouriço azul visto nos videogames e equilibrou os traços do cartoon com características realistas.

O filme se inicia com um Sonic enviado à terra para fugir dos que querem abusar da super velocidade do personagem. Quando a presença dele é descoberta, o governo americano manda o doutor Ivo Robotnik, um cientista que comanda um exército de drones para capturar o Sonic. Obrigado a se desenvolver sozinho em um planeta que não conhece, ele acaba sendo mais inocente do que apresenta nos games e isso ajuda na identificação com o público.

Sonic já está disponível em várias salas de cinema, pelo Brasil e pelo mundo, prometendo levar muitas pessoas para assisti-lo nas telinhas.   

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*