15 de October de 2019

Ministro recua e agora “a turma” já pode comer acarajé em evento da ONU em Salvador

O Ministério do Meio Ambiente recuou e confirmou no domingo (19), por meio de nota à imprensa, a realização, em Salvador, da Semana Climática América Latina e Caribe (Climate Week), evento da Convenção da ONU sobre Mudanças Climáticas (UNFCCC).

O órgão afirmou, no comunicado, que a decisão foi tomada após “entedimentos” entre o Itamaraty e o prefeito ACM Neto (DEM), que havia se posicionado contra o cancelamento do evento bancado pela ONU e marcado para os dias 19 a 23 de agosto.

“O Ministério do Meio Ambiente, através de entendimentos mantidos nesses últimos dias com o Prefeito de Salvador, o Ministro das Relações Exteriores e o novo Secretário-Executivo do Fórum Brasileiro de Mudanças Climáticas, decidiu formular proposta com ênfase na Agenda de Qualidade Ambiental Urbana e no Pagamento por Serviços Ambientais”, disse na nota

Ao cancelar o evento, bancado pela ONU, na última terça-feira (14), o ministro, Ricardo Salles, disse blog da jornalista Andréia Sadi, do G1, que o encontro seria apenas uma oportunidade para que os participantes fizessem turismo em Salvador e comessem acarajé.

Diante da recusa do governo Bolsonaro em sediar o encontro, o prefeito de Salvador requisitou o evento pelo Twitter dizendo que não mediria esforços para a realização Semana Climática América Latina e Caribe (Climate Week) na Capital da Bahia.


Veja mais

The post Ministro recua e agora “a turma” já pode comer acarajé em evento da ONU em Salvador appeared first on Portal do Cerrado.


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.