22 de August de 2019

Marcelino Galo defende autonomia universitária e se solidariza com comunidade da UFRB

O deputado estadual e líder do Partido dos Trabalhadores (PT) na Assembleia Legislativa da Bahia defendeu a autonomia universitária das instituições públicas de ensino superior e a nomeação de reitor e vice-reitor da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia através da lista tríplice.

“A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), criada durante o governo de Lula, tem sido atacada na sua autonomia, com relação ao processo sucessório para reitor e vice-reitor no quadriênio 2019-2023, protocolado no Ministério da Educação (MEC) no dia 14 de março de 2019. Desde então o processo eleitoral tem sido alvo de contestações e denúncias junto ao MEC, Ministério Público e à Justiça Federal, por conta de posições ideológicas do governo de Bolsonaro. Manifestamos nossa solidariedade a toda comunidade acadêmica da UFRB, que de forma democrática elegeu novos nomes, em fevereiro deste ano, para a lista sucessória da universidade acreditando que a vontade da maioria estaria expressa na próxima gestão. Defendemos que a lista tríplice seja respeitada pelo MEC, como forma de garantir a autonomia universitária, responsável pela transformação da instituição em um espaço de troca entre a UFRB e a comunidade do recôncavo baiano, com mais de 12 mil estudantes, na sua maior parte oriundos de escola pública e da própria região”, disse o deputado Marcelino Galo.

O post Marcelino Galo defende autonomia universitária e se solidariza com comunidade da UFRB apareceu primeiro em Marcelino Galo.


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.