19 de September de 2019

Madre de Deus completa quase oito meses sem registro de homicídio

O município de Madre de Deus, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), completou, nesta quarta-feira (27), sete meses e 15 dias sem nenhum registro de homicídio, segundo dados da Delegacia da cidade (17ª DT/ Delegacia Territorial de Madre de Deus). O último assassinato aconteceu no dia 11 de agosto, na Rua do Campo, no Centro da cidade.

Antes da delegada Marcele Guerra assumir a delegacia em 25 de julho de 2017, ocorreram 6 homicídios. Depois disso, foram registrados apenas dois homicídios no município naquele ano, e os autores foram identificados. Assim que assumiu, a Delegada de 31 anos garantiu ao Bahia Manchetes que seria acessível para comunidade e implacável com a criminalidade

Ele destaca que o apoio de unidades especializadas em operações integradas são fundamentais para redução da violência. “No dia 14 fevereiro deste ano fizemos uma megaoperação, inclusive com apoio da PF”, afirmou.

O tenente Marcos São Pedro, comandante do 3° Pelotão, ressaltou o intenso público flutuante no município que têm cerca de 25 mil habitantes. “Ampliamos as abordagens e usamos embarcação nas ilhas. A sintonia com a Policia Civil  é fundamental no bom desempenho”, garantiu o oficial.

Diariamente, ações de combate ao crime ocorrem na sede do município e nas ilhas dos Frades, Paramana, Maria Guarda e Bom Jesus dos Passos através de equipes da 17ª Delegacia Territorial (DT/Madre de Deus) e do 3° Pelotão da 10ª Companhia Independente da Polícia Militar (10ª CIPM/Candeias).

Delegada Marcele Guerra e tenente Marcos São Pedro- Foto:SSP

 

 

O post Madre de Deus completa quase oito meses sem registro de homicídio apareceu primeiro em Bahia Manchetes.


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.