Jauá recebe a maior requalificação de infraestrutura da Costa de Camaçari

As obras vão se estender por todo o distrito, incluindo pavimentação dos bairros

Jauá começou a receber a maior reforma de urbanização, lazer, esporte e infraestrutura turística de toda a Costa de Camaçari e as obras começaram pela Praça do Papagaio, que já recebeu várias mudanças. Nesse mesmo projeto estão previstas diversas construções como, calçadões, equipamentos esportivos, quiosque e deck de madeira.

A ordem de serviço foi assinada no dia 28 de janeiro e tem inclusa a mobilidade urbana, ações de acessibilidade, pavimentação e requalificação de 42 ruas. As obras buscam unir beleza e durabilidade, colocando calçada de piso e bloco de concreto. No geral serão investidos mais de 10 milhões em toda a reforma.

Para assegurar a comunidade e os visitantes, estão previstos a construção de um parque infantil, um monumento em homenagem aos 4 pescadores da região desaparecidos em novembro de 2012, pista de skate, quadra poliesportiva, vestiário e campo de futebol com arquibancadas. Também terá a limpeza da lagoa, mobilidade, construção e recuperação de equipamentos esportivos que vão se estender para vários lugares da Costa.

O prefeito fala sobre como é importante essa requalidicação. “Esse é um momento importantíssimo da nossa gestão, que vai entregar para o povo de Jauá uma obra completa, com deck de madeira entrando na lagoa para as pessoas poderem passear, com pista de skate, campo, qualificação de todo entorno da praça, integrando a igreja. É uma obra que vai fortalecer a localidade e toda a nossa Costa, fortalecendo a economia com o turismo na região”.

Além da região da praça, foi assinada uma ordem de serviço para pavimentação de sete ruas no Loteamento São Francisco, 19 ruas entre a Vila dos Artistas e o Portal de Jauá, 16 ruas entre Areias, Alto da Bela Vista e Avenida Atlântica. As obras serão realizadas pela Prefeitura de Camaçari com da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur) e Secretaria de Turismo (Setur). A previsão de execução das intervenções é de 10 meses.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*