15 de October de 2019

Estudo aponta que poeira no ambiente doméstico pode estar relacionada à obesidade infantil

Um estudo norte-americano descobriu que a presença de poeira no ambiente doméstico pode contribuir para o desenvolvimento de obesidade infantil. Isso estaria relacionado aos disruptores endócrinos, substâncias químicas capazes de desequilibrar os hormônios do corpo e presentes em itens como embalagens, alimentos e cosméticos.

Segundo a revista Super Interessante, pesquisas anteriores já relacionavam desreguladores endócrinos ao excesso de peso. No entanto, essa é a primeira vez que se observa a presença desses compostos na poeira acumulada dentro das casas.

Foram coletadas 194 amostras de sujeira presentes em casas da Carolina do Norte, nos EUA. Eles analisaram substâncias com potencial de desequilibrar o sistema endócrino para observar se poderiam promover a multiplicação de células de gordura.

Os autores identificaram 70 compostos com essa capacidade e outros 40 que agiam como precursores de células do tecido adiposo. De acordo com o resultado, até mesmo baixas concentrações de sujeira são suficientes para afetar as crianças. O processo acontece aos poucos, mas pode levar a um quadro de excesso de peso.

O post Estudo aponta que poeira no ambiente doméstico pode estar relacionada à obesidade infantil apareceu primeiro em BAHIA NO AR.


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.