18 de September de 2019

Empresário comete suicídio durante evento com ministro em Aracaju

Durante sua participação em Simpósio de Oportunidades do Gás Natural na manhã desta quinta-feira (4), o empresário Sadi Paulo Castiel Gitz cometeu suicidou, desferindo um tiro na boca. O evento acontecia no Hotel Radisson, na orla de Atalaia, em Aracaju.

De acordo com a publicação do site local FaxAju, no início da solenidade, onde contava com a participação do ministro das Minas e Energia, Bento Albuquerque, o empresário Sadi Gitz, proprietário da empresa Escurial, cometeu suicídio após ouvir a fala do governador de Sergipe, Belivaldo Chagas.

Ainda segundo o site, o empresário levantou-se e disse: “governador, você é um mentiroso” e em seguida cometeu o ato, em frente a todos os participantes do evento que ficaram chocados ao presenciarem a cena.

Imediatamente o evento foi cancelado. Em nota no Twitter, o Governo de Sergipe lamentou o ocorrido. “O Governo do Estado de Sergipe lamenta o ocorrido com o empresário Sadi Gitz, da cerâmica Escurial, que cometeu suicídio durante o evento. Por conta do ocorrido, o Simpósio de Oportunidades para o novo cenário do gás natural em Sergipe está cancelado”, diz a nota.

O governador Belivaldo Chagas lamentou o episódio e prestou solidariedade à família. “Não esperávamos jamais que um evento dessa magnitude pudesse acontecer. Um evento voltado para o Brasil pela importância do tema, mas nesse momento o mais importante é prestar nossa solidariedade a família do Sadi. Ele era um empresário que prestou serviço a Sergipe e que estava passando por um momento de dificuldades com a sua empresa, exatamente o que estamos buscando hoje o barateamento do gás”, disse.

De acordo com o site Boa Informação, no mês de maio a fábrica de cerâmica, que Sadi era diretor presidente, localizada no município de Nossa Senhora do Socorro, na Grande Aracaju, deu início ao processo de hibernação. De acordo com a administração da empresa, houve perda de mais de 600 empregos diretos e indiretos. O motivo determinante para a hibernação, segundo a fábrica, foi o preço do gás cobrado pela Sergipe Gás (Sergas), empresa concessionária do Governo do Estado.

Foto: Divulgação

O post Empresário comete suicídio durante evento com ministro em Aracaju apareceu primeiro em BAHIA NO AR.


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.