CPI da Covid: Nelson Teich pediu demissão por indicação de cloroquina

Ex-ministro da saúde fala dos motivos que o levaram a pedir demissão do cargo e sobre conversa com empresas americanas para adquirir vacinas

EX-ministro Nelson Teich pediu demissão por discordância e falta de autonomia
Ex-ministro Nelson Teich durante CPI da Covid - Foto: Agência Brasil

O ex-ministro da saúde Nelson Teich fez uma declaração nesta quarta-feira (05) durante a CPI da Covid. Ele afirmou que falta de autonomia e discordância sobre o uso de cloroquina para o tratamento de pacientes internados com a Covid-19 foram os motivos que o levaram a pedir demissão do cargo.

Teich afirmou diversas vezes que é contra o uso do fármaco e que já existe um consenso entre as principais autoridades internacionais sobre a ineficácia do tratamento por isso não entende porque médicos ainda o prescrevem.

Sobre as vacinas, o oncologista disse que conversou com representantes das empresas norte-americanas Moderna e Jansen, mas que não pôde dar continuidade aos projetos, devido à sua demissão.

Fonte: Brasil 61

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*