Copa América: Conmebol e Ministro tem respostas diferentes para torneio

A Conmebol publicou mensagem de agradecimento a Bolsonaro pela realização do torneio no país mas o Ministro da Casa Civil não confirma pedido

Copa América: Conmebol e Ministro tem respostas diferentes para torneio
O Brasil foi campeão da Copa América em 2019 - Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) afirmou, nesta segunda-feira (31), através das redes sociais que a Copa América de 2021 será sediada pelo Brasil.

No entanto, o ministro da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos, disse que a Copa América no Brasil ainda não está confirmada. Por meio de nota, a Casa Civil afirmou que o governo tampouco recebeu um pedido oficial da CBF ou da Conmebol para que o país seja sede dos jogos.

Ainda segundo Ramos, mesmo que a competição se realize no Brasil, os estádios não receberão público. O ministro também destacou como condição que todas as delegações estejam vacinadas.

A Conmebol teria feito o acordo com o Brasil após a Argentina se recusar a aceitar o torneio por causa do avanço da pandemia da Covid-19 no país. São mais de 3,6 milhões de casos da doença e 76 mil mortes causadas pelo coronavírus.

A Copa América será realizada entre os dias 13 de junho e 10 de julho. No total, 10 seleções divididas em dois grupos vão participar do torneio. Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai e Uruguai estão no Grupo A. Brasil, Colômbia, Equador, Peru e Venezuela compõem o Grupo B

Fonte: Brasil 61

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*