15 de October de 2019

Contaminação de águas por agrotóxicos é debatida na Alba

No topo de uma lista de 271 municípios baianos em que se encontrou pelo menos um agrotóxico na água, as cidades de Camaçari, Itapetinga, Mucugê e São Félix do Coribe consomem um perigoso coquetel com 27 agrotóxicos encontrados na água utilizada pela população.

Para ampliar esse debate no âmbito estadual, uma audiência pública foi realizada nesta quarta-feira (29) na Comissão de Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Assembleia Legislativa, por iniciativa do vice-presidente do colegiado e líder do PT na Casa, deputado Marcelino Galo.

Para ele, há uma preocupação fundamental acerca desse debate, e se faz necessário discutir soluções para eliminar a grande quantidade de princípio ativo na água dos municípios baianos. “O veneno agora está chegando na nossa casa, na água que bebemos e banhamos nossos filhos. Por isso essa discussão é fundamental”, observou Marcelino.

A audiência também contou com a presença do deputado Osni Cardoso, que defendeu a ampliação do debate no âmbito do Estado, além de instituições estaduais como a Embasa.

MEIO AMBIENTE – Na oportunidade, o deputado Marcelino Galo convidou os presentes para a 1ª Feira Agroecológica da ALBA, que acontece no próximo dia 5 de junho, às 9 horas, como parte da programação do Dia Mundial do Meio Ambiente. “Será a primeira feira de produção orgânica e agroecológica da Assembleia Legislativa. Vamos fazer um grande debate com o presidente da Fundação Perseu Abramo, Márcio Pochmann, e discutir a transição ecológica para ter uma harmonia com a natureza e um consumo responsável de água e alimentos”, enfatizou o petista.

Texto: Lorena Teixeira

O post Contaminação de águas por agrotóxicos é debatida na Alba apareceu primeiro em Marcelino Galo.


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.