18 de July de 2019

Confundido com PM, repórter da TV Bahia é agredido durante assalto e tem carro incendiado

com G1 e Metro1

O jornalista e apresentador da TV Bahia, Jony Torres, foi agredido após sofrer um sequestro relâmpago na noite de segunda-feira (17), na zona rural da cidade de Esplanada, que fica a cerca de 155 km de Salvador. A ação começou como um assalto.

Os homens então levaram a carteira do repórter e o trancaram no porta-mala do próprio carro.Depois disso, eles atearam fogo. A vítima conseguiu sair porque o veículo tem um dispositivo que permite baixar o banco. Com isso, ele conseguiu sair pela porta traseira do carro.

Ao Metro1, ele contou que foi confundido com um policial militar, o que agravou o quadro de nervosismo dos bandidos.

“Os caras acharam meu rosto conhecido e um deles, que parecia ser adolescente, achou que eu era policial. Aí me colocaram na mala do carro”, contou.

O jornalista estava na cidade visitando a fazenda da família. Ele transitava com o veículo em uma estrada de terra e foi abordado por dois suspeitos no momento em que precisou diminuir a velocidade por conta de uma linha férrea.

A ação durou cerca de 30 minutos. A dupla queria o celular do jornalista, que não estava com ele no momento do crime.

Depois que ele conseguiu sair do carro, o repórter se escondeu em um matagal para ter certeza que os suspeitos já haviam saído. Ele, então, fugiu do local. O caso foi registrado na delegacia de Esplanada, que investiga o caso.

The post Confundido com PM, repórter da TV Bahia é agredido durante assalto e tem carro incendiado appeared first on Portal do Cerrado.


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.