16 de September de 2019

Camaçari: diários escolares são entregues nas escolas municipais

Acompanhar de perto o recebimento dos diários escolares destinados aos professores da rede municipal de ensino foi o que motivou o início das visitas às unidades escolares, na tarde desta terça-feira (16/4). A ação foi conduzida pela assessora de gabinete da Secretaria da Educação (Seduc), Maria Aparecida Castro, que passou por quatro escolas: a Zumbi dos Palmares e o Centro Integrado de Educação Infantil (CIEI) Pomar Encantado, ambos no Loteamento Parque Real Serra Verde, o Centro Educacional Yolanda Pires, no Jardim Limoeiro, e a Ilay Garcia Ellery, no Novo Horizonte.

A entrega do documento no início do ano letivo é um pleito antigo dos educadores, visto que é nele que são armazenadas todas as informações referentes aos alunos, como presença, notas, comportamento e como está o processo de aprendizagem, além de dados como os assuntos ensinados e as datas em que foram passados aos estudantes.

A primeira parada foi na Escola Municipal Zumbi dos Palmares. A unidade recebeu os diários, que já foram repassados aos professores. A iniciativa é vista como algo muito positivo pela educadora da turma do primeiro ano escolar da unidade, Janelucia dos Anjos. “Essa é uma ferramenta importante, pois nos dá um norte no nosso trabalho. Ela vem praticamente completa, com tudo que a gente precisa pra anotações do dia a dia”, disse a professora, ao enfatizar: “os relatórios iniciais e finais de cada educando, informados nos diários, nos aponta como o aluno ingressou naquele ano e como ele deixou a turma para ingressar em outra”, finalizou, ao reafirmar a importância da caderneta.

Para a diretora da Escola Zumbi dos Palmares, Daionara Matos, destacar a importância da chegada dos diários no início do ano letivo é o grande diferencial, pois possibilita que os professores registrem o desenvolvimento dos alunos em sala de aula já no início, evitando que precisem transcrever essas informações, anotadas provisoriamente em locais sem a formatação adequada, que podem ser perdidas, caso os diários demorem a ser entregues nas unidades escolares.

“Nesses meus 10 anos dedicados à educação do município, apenas nos últimos dois é que pude contar com os documentos no tempo certo, na volta às aulas”, pontuou Daionara, ao explicar que já teve anos em que recebeu os diários escolares no meio do período letivo, o que atrasava e dificultava o trabalho do educador.

As cadernetas foram recebidas em todas as unidades visitadas. A vice-diretora do Centro Educacional Yolanda Pires, Ana Carla Braz, também comemorou o fato de já ter os diários na escola. No local, foram deixados 128 exemplares, destinados às turmas do 1º ao 9º ano, para a Educação de Jovens e Adultos (EJA) e de educação infantil. “O diário no começo do ano organiza a vida do professor, objetivando o ganho pedagógico do aluno, uma vez que poderá adotar medidas que contribuam para melhor desempenho do estudante, tendo como base as observações registradas no material”, concluiu Ana Carla.

Os diários escolares serão entregues em todas as unidades e repassados aos 1.567 professores da rede. A quantidade de caderneta entregue a cada educador será de acordo com o número de turmas em que ensinam.

O post Camaçari: diários escolares são entregues nas escolas municipais apareceu primeiro em BAHIA NO AR.


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.