15 de October de 2019

Caíque comemora primeiro gol como profissional, mas lamenta desempenho coletivo

O Vitória se reapresentou nesta segunda-feira (29), depois da estreia com derrota na Série B do Campeonato Brasileiro, por 3 a 2 para o Botafogo-SP. Na sala de imprensa da Toca do Leão, o atacante Caique Sílvio concedeu sua primeira entrevista coletiva como profissional. Responsável por marcar o único gol da derrota rubro-negra, o jovem fez uma breve análise da sua participação no jogo e valorizou seu tento, porém, lamentou o resultado coletivo.

“Acho que trocaria tudo isso aqui pela vitória. Importante mesmo seria sair de lá com o triunfo. Infelizmente não aconteceu, não foi o que a gente esperava. Pude fazer um gol, muito importante para mim, para me dar confiança. Vim de um período de muita dificuldade, lesões, minha última partida foi em novembro. Acredito que teria oportunidade com Chamusca, até mesmo com Carpegiani no ano passado. Acabei lesionando muito. Nunca tinha lesão comigo. Acabou que lesionava, voltava e lesionava de novo. Foram cinco lesões na posterior. Foi um período muito importante para mim, porque ganhei muita massa muscular. Aproveitei a oportunidade bem. Acredito que, na minha cobrança, pequei por excesso de ansiedade, me precipitei às vezes. Acredito que posso fazer muito mais ainda”, analisou.

Caíque ainda ponderou sobre o comportamento do Vitória na estreia da Série B: faltou “time” para segurar a bola e acalmar o jogo após abrir o marcador fora de casa.

“Começou bem, conseguiu montar linhas bem, postura. Acho que a gente pecou mais na hora que fez o gol, acho que poderia se impor mais no jogo. Assim que a gente fez o gol, os caras sentiram muito, a torcida ficou contra eles. A gente tinha que se impor mais. A gente deixou o Botafogo vir para cima, e aí acabou acontecendo a infelicidade de tomar o primeiro gol”.

Para virar a página e conquistar a primeira vitória na Série B, o Leão encara o Vila Nova no próximo sábado. O duelo será no Barradão, às 16h30 (horário local). Para o jogo, uma barreira a ser superada: a equipe não vence há 13 partidas.

O post Caíque comemora primeiro gol como profissional, mas lamenta desempenho coletivo apareceu primeiro em BAHIA NO AR.


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.