15 de October de 2019

Burger King provoca Bolsonaro após veto a comercial do BB

A rede de fast-food Burger King anunciou em suas redes sociais
que está à procura de atores para um novo comercial. Através de um vídeo, a
marca enumerou como requisitos aos candidatos ter participado “de um
comercial de banco que foi vetado e censurado nas últimas semanas”.

A BK se refere ao comercial do Banco do Brasil sobre diversidade
e que foi tirado do ar pelo presidente Jair Bolsonaro no dia 14 abril. A
propaganda ainda rendeu a demissão do diretor de marketing da instituição,
Delano Valentim.

“Procura-se elenco para comercial. O Burger King está recrutando
pessoas para seu novo comercial. Para participar, basta se encaixar nos
seguintes requisitos: Ter participado de um comercial de banco que tenha sido
vetado e censurado nas últimas semanas. Pode ser homem, mulher, negro, branco,
gay, hétero, trans, jovem, idoso. Curtir fazer selfie é opcional. No Burger
King, todo mundo é bem-vindo. Sempre. Entre em contato pelo e-mail:
[email protected]”, diz o comunicado publicado nas redes sociais da
empresa.

Bolsonaro respondeu ao comercial pelo seu perfil no Twitter. “Qualquer empresa privada tem liberdade para promover valores e ideologias que bem entendem. O público decide o que faz. O que não pode ser permitido é o uso do dinheiro dos trabalhadores para isso. Não é censura, é respeito com a população brasileira”. Veja a publicação do Burger King:

Divulgação

O post Burger King provoca Bolsonaro após veto a comercial do BB apareceu primeiro em BAHIA NO AR.


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.