19 de November de 2018

Greve: Professores da rede municipal, que aderirem a greve, terão corte de ponto

Os professores da rede municipal de ensino de Salvador anunciaram nesta quarta-feira (11), o início de uma greve por tempo indeterminado.  Mas, a prefeitura afirmou hoje que irá cortar o ponto, já na folha de pagamento de julho, de quem aderir ao movimento.

Segundo a diretora do Sindicato da categoria, Elza Melo, os trabalhadores continuarão com as atividades suspensas e que, após o acordo, as aulas serão compensadas. “Vamos continuar o movimento e, quando retomarmos as atividades, vamos repor as aulas e cumprir com os 200 dias letivos previstos por lei. Temos responsabilidade com nosso alunos”, afirmou.

Uma proposta de reajuste de 2,5% foi apresentada a classe, pela Secretaria de Municipal de Gestão. Porém, os professores almejam um aumento de 12,41%, além do acréscimo de 10% no auxílio-alimentação, progressão de carreira e eleição do diretor escolar.

Entre os problemas mais questionados pela categoria, está no fato de que a proposta da prefeitura não contempla professores aposentados, nem os que atuam através do REDA.

De acordo com a prefeitura, 86% das instituições estão funcionando normalmente.


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.