24 de November de 2017

Delegação baiana retorna das Paraolimpíadas escolares com nove medalhas

Após cinco dias de participação na maior competição paraolímpica da categoria de 14 a 20 anos, cinco atletas baianos voltaram com medalhas no peito. Ao todo foram nove na bagagem de volta. Jean Carlos de Oliveira Silva, Jamile de Oliveira Machado e Charles Fonseca foram os nomes da Bahia nas provas de natação, já no arremesso de peso o brilho ficou por conta de Ramine Santos de 13 anos e Pedro Pessoa de 15 anos. “Esses jogos têm como principal objetivo servir de preparação para a Paraolimpíada de 2016, pois vários talentos são revelados nesse tipo de competição”, ressaltou a professora de Educação Física da Sudesb, Giselle Henriques, que acompanhou a delegação baiana durante o evento.

Nadador da escolinha da Sudesb, Jean Carlos levou o ouro nos 400m livre na categoria B classificação funcional S14. Também aluna da escolinha, Jamile de Oliveira ganhou medalha de prata, nos 50 metros livre, e de bronze, nos 100 metros livre, na classificação funcional S8.

Já Charles Coutinho, do Instituto Baiano de Cegos, ficou com o ouro nos 100 metros peito, e com a prata nos 100m livre, nos 50m livre e nos 400m livre, categoria B, classificação funcional S11. No atletismo, foi a vez de Ramine Santos (13) e Pedro Pessoa (15) ficarem com o bronze na prova do arremesso de peso.

A edição das Paraolimpíadas Escolares deste ano contou com 10 modalidades: atletismo, natação, futebol de cinco, para cegos; futebol de sete, para paralisados cerebrais; judô, goalball; bocha; tênis, e duas novidades, vôlei e tênis em cadeira de rodas. Os jogos aconteceram no Clube Espéria (natação, futebol de cinco, tênis em cadeira de rodas, vôlei, judô, futebol de sete e goalball), no Centro Olímpico (atletismo) e no Anhembi Parque (bocha e tênis de mesa).


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*